sexta-feira, 9 de março de 2012

projeção, trecho de Valentina - sobre ter filhos

"Com que propósito incumbir a alguém tamanha responsabilidade? Ter de passar dias adiando a ida ao purgatório, controlar-se diante de idiotas - e tentar lembrar que não é um deles - esperar pacientemente o fim de um momento agonizante e tedioso, questionar pesadelos e atitudes, ignorar o remorso, a dor de cabeça infundada, o arrependimento, a mazela e os poucos bons momentos que se perdem para que finjamos preencher a vazia existência que nos corrói? Não, eu digo que não."

Lis; sexta-feira, 09 de março de 2012.